A Agência Espacial Europeia lança contrato para sua primeira missão para remover lixo orbitando espaço – tecnologia

A missão é chefiada pela empresa suíça ClearSpace, mas participam empresas da Alemanha, Suécia, Polónia, Reino Unido, Roménia, República Checa e a portuguesa Critical Software and Demios, no valor total de 100 milhões de euros.

A meta, que será alcançada em 2025, é entrar no espaço orbital e lançar uma peça em forma de cone pesando 112 quilos e do tamanho de um pequeno satélite (2 metros de diâmetro e 1,6 metros de altura), apenas um dos cerca de 28.000 destroços deixados ao redor da Terra após milhares de lançamentos espaciais

Um veículo de controle remoto será lançado do solo e guiado até chegar à Vespa, que estava em órbita após o lançamento do míssil Vega em 2013 a uma altitude de 664-801 quilômetros.

Em seguida, com o auxílio de quatro braços robóticos, o interceptor vai recolher escombros e, usando sua propulsão, descer de forma controlada, fazendo com que ambos se desintegrem na atmosfera ilesos.

A Agência Espacial Europeia reconhece o problema dos detritos espaciais na órbita da Terra como uma ameaça crescente que poderia destruir um satélite ou outra nave espacial em caso de colisão.

“Em 2019, os satélites administrados pela agência tiveram que manobrar para evitar os destroços 21 vezes, o que já aconteceu 12 vezes neste ano”, disse um comunicado.

Mesmo se não houver lançamento espacial novamente, os detritos espaciais continuarão a crescer devido a colisões que criarão mais detritos.

No futuro, a agência espera que a tecnologia para esse tipo de missão evolua para permitir que muitos destroços diferentes sejam removidos de uma vez, sem que o veículo interceptador também seja destruído.

APN // HB

Lusa / The End

READ  Suprema Corte da Pensilvânia impõe nova derrota a Trump | Eleições dos EUA 2020
More from Germano Álvares

Passus Coelho destrói o governo

Pedro Passos Coelho criticou duramente o governo socialista numa intervenção que abordou...
Read More

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *