Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Bancos têm de cumprir rácio de capital de 9% até final do ano

Os bancos portugueses têm de cumprir um rácio ‘core tier 1’ de 9 por cento até final do ano, tal como estava definido no memorando de entendimento com a ‘troika’.

«Os bancos vão continuar a ter de ter um rácio de capital ‘core tier 1’ de 9 por cento este ano e 10 por cento até ao próximo ano», afirmou o representante do Banco Central Europeu (BCE), Ramus Ruffer na conferência de imprensa de apresentação da segunda avaliação ao programa de assistência económica e financeira.

O responsável disse ainda que, de acordo com o definido pela Autoridade Bancária Europeia (EBA, na sigla em inglês), os bancos têm de chegar a um rácio ‘core tier 1’ de 9 por cento até final de junho, mas este rácio já terá em conta as regras da EBA (como o reconhecimento dos títulos de dívida pública a preços de mercado e não ao preço nominal) e eventuais necessidades adicionais de capital que saiam das inspeções da ‘troika’ aos bancos.

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.