Rin: Stephan lida com OM!

Durante o jogo da primeira divisão entre o Rennes e o Olympique de Marseille (1-2) no dia 16 de dezembro, o técnico do Marselha, André Velas Bois, denunciou o cartão vermelho concedido ao seu meio-campista Pape Joy. Antes das duas equipas se defrontarem no sábado em L1, o treinador bretão Julian Stefan respondeu, sem desvios, ao técnico português.

“Houve um erro de Gueye antes disso, que teria merecido um cartão amarelo. Se o cartão amarelo apareceu naquele momento, não estamos discutindo a próxima situação. Deve haver vermelho há cinco minutos, é isso. É tudo. Um jogo aconteceu . Não conversamos sobre isso. Faz três dias. Por outro lado, alguns já falam sobre isso há muito tempo. (…) No ano passado, quando chegamos lá, jogamos desfavoravelmente, inclusive uma mão do Strootman que não foi apitado e um pênalti que deveria ter sido dado a nós em um empate. 1-1. Nós não ganhamos muito por três dias também. ”Stefan insistiu, antes de adicionar uma camada.

“O Marselha é a equipa que mais cartas recebeu desde o início da época. Há razões. Não penso que a desculpa aceitável seja dizer que os árbitros são mais duros com o Marselha do que são.” Outros clubes. Os governantes são honestos e sinceros e tomam suas decisões com espírito e consciência de acordo com o que vêem no terreno. “

Lida 36.204 vezes Escrito por Damien Da Silva em 28/01/2021 às 16h55


READ  Activists in Kenosha say they were disappointed and disappointed after the decision not to charge in the shooting of Jacob Blake.

You May Also Like

About the Author: Lucinda Lima

"Desbravador de cerveja apaixonado. Álcool alcoólico incurável. Geek de bacon. Viciado em web em geral."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *