Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

OCDE defende reforço dos mecanismos de defesa da Zona Euro

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) considera que o reforço dos mecanismos de defesa da zona euro é a melhor forma de restaurar a confiança na zona euro, condição indispensável para ultrapassar a crise da dívida soberana.

Na sua “avaliação económica da zona euro”, hoje divulgada em Bruxelas, a OCDE defende ser necessário “ação imediata para assegurar uma disponibilidade suficiente e em larga escala de um ‘firewall’ que trave a dinâmica” da crise da dívida soberana em vários países do euro, que se intensificou a partir de meados de 2011, e que ameaça o sistema financeiro e o crescimento.

Apontando que as medidas tomadas até agora “fracassaram no seu objetivo de restaurar a plena confiança nos mercados da dívida soberana da zona euro”, o documento considera que a entrada em vigor do futuro Mecanismo Europeu de Estabilidade (MEE), prevista para julho próximo, poderá ser a resposta certa.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.