Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Aicep tem quatro novos mercados em prospecção

A Aicep tem este ano em prospecção mercados como o Egipto, a Colômbia, a Guiné Equatorial e a Indonésia. Estes mercados acrescem aos definidos como «estruturantes» (Brasil, Angola e Espanha), de «consolidação» (Alemanha, Reino Unido, França, Itália) e de «expansão» (México, Turquia, China, Rússia, Canadá, Moçambique/África do Sul, Arábia Sáudita/EAU, Singapura/Malásia).

A informação foi dada por Basílio Horta, presidente da Aicep, durante a conferência que decorreu na NERLEI – Associação Empresarial da Região de Leiria, no dia 27 de Janeiro.

Os mercados a trabalhar pela Aicep são definidos tendo em atenção um conjunto de factores, como o objectivo de diversificar as exportações; o perfil das exportações portuguesas; as estimativas quanto à evolução económica dos mercados, e as projecções dos montantes de importação e de investimento no exterior. São também considerados o relacionamento com Portugal – seja por ligações históricas, culturais ou politicas – e os pontos de rede existentes.

A conferência foi promovida a propósito do lançamento, em Leiria, do livro “O Novo Capital”, de Francisco Jaime Quesado, numa organização conjunta da NERLEI e da editora Media XXI, que contou ainda com o apoio do Instituto Politécnico de Leiria.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros. 

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.