Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Responsabilidade Social Empresarial

Jovens leirienses criam site para ajudar instituições de solidariedade social

Dois jovens de Leiria criaram em 2008 o site Gsolidário para ajudar instituições de solidariedade social a nível nacional. Trata-se de um site de pesquisa criado de forma a que todos os cidadãos que utilizam a internet possam ajudar de uma forma cómoda e simples os que mais precisam. O dinheiro é angariado através dos cliques efectuados nas publicidades que são colocadas pelo Google nas margens do Gsolidário.

Cada vez que o Gsolidário atinge um valor de 100 euros abre um espaço de votação online que permite aos utilizadores votarem na instituição que preferirem durante 8 dias.

Da primeira votação, que decorreu de 26 de Novembro a 3 de Dezembro, a Instituição vencedora foi a Cerci de Portalegre (Cooperativa de Educação e Reabilitação de Cidadãos Inadaptados de Portalegre) que reuniu um total de 1766 votos. Nesta primeira ronda, o Gsolidário contou com a participação de 35 instituições de solidariedade social, sendo que a primeira a inscrever-se foi a APPC de Leiria (Associação Portuguesa de Paralisia Cerebral).

“Navegue por um mundo melhor”, foi o mote escolhido pelos criadores do site que acreditam que «esta não será a solução face aos problemas económicos que se têm vindo a sentir, mas será sem dúvida, uma ajuda e um caminho a percorrer para ver muitos sorrisos espalhados pelo país»

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.