Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Universidade de Coimbra e Grupo Lena tornam-se parceiros

A Universidade de Coimbra e o Grupo Lena celebraram um protocolo de colaboração tendo em vista o desenvolvimento de actividades conjuntas, particularmente nos domínios do desenvolvimento de programas de investigação e inovação, formação e saídas profissionais e sensibilização e promoção do empreendedorismo. O acordo foi assinado por Fernando Seabra Santos, Reitor da UC, e António Barroca Rodrigues, presidente do Conselho Geral do Grupo Lena, revela o site Ciência Hoje.

Através deste protocolo, o Grupo Lena passa ainda a ser uma empresa parceira da Universidade de Coimbra, um modelo de colaboração permanente e estável, que implica, entre outros pontos, um acesso preferencial ao portfolio de patentes da universidade e o apoio da instituição na protecção da propriedade intelectual e no recrutamento de licenciados e estagiários, bem como condições preferenciais de acesso a pós-graduações.

Para o Grupo Lena – com mais de 60 empresas e cinco mil colaboradores que operam nas áreas da construção, gás natural, indústria, imobiliária, automóveis, serviços, ambiente e comunicação – este acordo vai ao encontro das suas prioridades estratégicas de promoção da inovação em estreita colaboração com o Sistema Científico e Tecnológico, acrescentando valor às suas áreas de negócio, representando ainda uma via para a diversificação da oferta aos seus potenciais clientes.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.