Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

EDP investe 7,5 milhões de euros em Leiria e Marinha Grande

Sete milhões e meio de euros é a verba que a EDP vai gastar na construção de duas novas sub-estações, uma em Leiria e outra na Marinha Grande, que deverão estar a funcionar em 2009. Melhorar o serviço e dar uma resposta mais rápida em caso de avaria são objectivos com a instalação dos novos equipamentos, revela a edição de hoje do Diário de Leiria.

A EDP vai investir sete milhões e meio de euros na construção de duas sub-estações de linhas de alta tensão em Leiria Oeste, junto ao IC2, e na Zona Industrial da Marinha Grande, que entrarão em funcionamento entre 2007 e 2009.

Segundo António Marmé, a construção da sub-estação de Leiria tem como finalidade servir novos clientes, abranger cerca de 25 por cento dos existentes na malha urbana, permitindo uma melhor qualidade no serviço e dar suporte às sub-estações de Azóia e Alto do Vieiro, quando ocorram avarias.

Quanto à construção da sub-estação na Zona Industrial da Marinha Grande, o director explicou que este investimento visa fazer face aos novos desafios tecnológicos na área dos moldes, dada a importância que o sector tem nos contextos regional e nacional. «Temos de criar condições para dar resposta às exigências dos empresários da área dos moldes, às evoluções tecnológicas e para nós acaba por ser um desafio», acrescenta o responsável, adiantando que entre 2001 e 2005 a EDP fez investimentos na ordem dos 22,9 milhões de euros na remodelação e instalação de novas linhas de média tensão.

LE com Diário de Leiria

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.