Três realizadores portugueses em Saint-André des Arts

Depois de ter sido apresentado em festivais como Veneza, Roterdão e Cannes, é a última das curtas-metragens de cineastas portugueses Sophia Post e Mariana Jiefao E a Eleanor Telles Programado em Cinema Saint-Andre des Arts A partir de 3 de fevereiro de 2021.

HOLIDAY, RUBY e os CÃES que latem aos pássaros revelam três visões femininas de futuro e juventude e representam o que há de melhor no cinema português contemporâneo. É uma oportunidade para o público parisiense descobrir esses três curtas-metragens que percorreram o mundo e agora estão unidos em um só.

cerca de Philippa ReeseProdutor de Curtas-Metragens em Uma pedra no sapato, Que é uma produtora especificamente responsável pelo novo projeto de Miguel Gomez, Este projeto é o primeiro. É um acto de resistência e uma celebração do cinema português português. Depois de vários períodos de confinamento, é importante se divertir novamente, voltar para o grupo e temer ».

O primeiro filme neste programa é Festa do dia, Que marca o início Sophia Post. O curta-metragem trata da complexidade das relações mãe-filha e esteve em competição oficial na Semana da Crítica do Festival de Cannes 2019. Até o momento, o filme foi exibido em mais de 20 festivais internacionais e ganhou o prêmio de Melhor Atriz. Como coadjuvante de Teresa Madruga em Caminhos do Cinéma Português e Prêmio do Júri Profissional Rencontres de Filmes Femmes Méditerranée.

o filme Rubi A partir de Mariana galvão (João Pedro Rodrigues Editor de Cinema, entre outros) retrata um jovem que se descobre e acompanha a jovem Roby nos dias anteriores ao regresso da sua melhor amiga, Millie, à Inglaterra. O filme ganhou o Prémio de Melhor Realizador no prestigiado Festival Internacional de Cinema Curtas Vila do Conde 2019 e foi selecionado em vários festivais populares como o Festival Internacional de Cinema de Rotterdam ou o New Montreal Film Festival.

See also  Em uma galáxia perto de você no foco de luz em Shawicon

Pássaros latindo, Os filmes mais recentes do diretor Eleanor Telles (Urso de Ouro de Melhor Curta-Metragem Berlinale 2016 de BALADA DE UM BATRÁQUIO) encerra esta sessão de curta-metragem. Depois de uma viagem por inúmeros festivais internacionais, esta é a primeira oportunidade para o público parisiense ver esta curta-metragem que se segue aos dias de verão de Vicente e da sua família, que tiveram de abandonar a sua casa no centro do Porto devido à especulação imobiliária. O filme foi exibido na última edição do Festival de Cinema de Veneza e foi nomeado para Melhor Curta-Metragem Europeu no 32º European Film Awards.

Cinema Le Saint-Andre des Arts
30 rue Saint-André des Arts
75006 Paris

http://www.cinesaintandre.fr

You May Also Like

About the Author: Aldina Antunes

"Praticante de tv incurável. Estudioso da cultura pop. Pioneiro de viagens dedicado. Viciado em álcool. Jogador."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *