Thiago Djallo respondeu após a luta com Neymar: “Ele deve aprender a respeitar.”

Neste sábado, o LOSC conquistou uma vitória surpreendente no estádio de Paris Saint-Germain. Graças aos três pontos, o Mastiff ocupa apenas o 1º lugar na Ligue 1 League. Depois do resultado, os jogadores da Ile-de-France ficarão particularmente decepcionados com o jogo. Na linha de frente: Neymar Moein. O brasileiro voltou após uma ausência de dois meses devido a lesão. Ninguém ficou tranquilo.

No final da partida, chegou até a receber um cartão vermelho (dois amarelos) após uma briga com Thiago Diallo, também desclassificado. Para A Bola, o jovem zagueiro está de volta ao grande argumento. “Eu não fiz nada” Português começa. “Depois desse erro, o árbitro apitou e acabou me agredindo. Eu caí no chão. Ele tentou me agarrar a bola e me acertar com a mão no queixo. Então fui despedido sem saber o motivo.”

Além disso, a batalha não terminou aí. Os jogadores tiveram que ser separados para não acertar. “No túnel, ele me disse coisas que eu não gostei. Ele até jogou uma alça na minha cara.” Quanto ao jogador do LOSC, Neymar não deve pensar que permitiu tudo. “Respeito a todos, seja o Neymar ou outro jogador. Mas acho que os outros também devem respeitar. Somos companheiros profissionais e é isso que falta ao Neymar, mais respeito. Neymar devia ter mais respeito”.

Observe que este é na verdade o quarto cartão vermelho de Neymar desde sua chegada ao Paris Saint-Germain.

READ  Juventus: Griezmann vai substituir Ronaldo?

You May Also Like

About the Author: Lucinda Lima

"Desbravador de cerveja apaixonado. Álcool alcoólico incurável. Geek de bacon. Viciado em web em geral."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *