Moto – Moto GP – Portugal

O piloto da Ducati, Francesco Bagnaya, assinou o melhor tempo nas duas primeiras sessões de treinos livres do Grande Prêmio de Portugal na tarde de sexta-feira, à frente do francês Fabio Quartararo. Já no horizonte do Qatar, na sexta-feira Francesco Bagnaya dominou os treinos livres da corrida de Portugal. Nesta segunda sessão em pista seca, um piloto da Ducati fez o melhor tempo com 1’39”866, à frente de Fabio Quartararo (a 0”340) e do atual campeão mundial Joan Mir (a 0”419). Leia também Em que condições Marc Marquez voltará a disputar o Grande Prêmio de Portimão? O francês, que teve um fim-de-semana complicado durante o encontro em Portimão no ano passado, desta vez parece perfeitamente compatível com o seu mecanismo. Já colocado na sexta-feira de manhã, O concorrente da Yamaha garantiu a oportunidade de fazer parte dos dez primeiros, o que é sempre uma boa ideia, quando se sabe que as nuvens podem chegar rapidamente a este circuito do Algarve. Marquez sem medos por trás, Marquez impressionou novamente. Em sexto lugar nesta sessão (0’473), o regressado espanhol mostrou que não se preocupa com o braço direito, especialmente levando a máquina ao extremo na última volta. Com Rins (4º em 0”462), Miller (5º em 0”470), Vinales (7º em 0”560), Zarko (8 em 0”624), Oliveira (9 em 0”726) E Nakagami (10º a 0’745) – apesar de ter sido vítima de uma queda em alta velocidade no início da sessão – o seis vezes campeão de MotoGP faz parte do grupo certo, por agora qualificou-se no segundo quarto.

READ  Foot - L1 - Ligue 1: Com Big Depay, OL acorda contra o Angers e se mantém na corrida no pódio

You May Also Like

About the Author: Aldina Antunes

"Praticante de tv incurável. Estudioso da cultura pop. Pioneiro de viagens dedicado. Viciado em álcool. Jogador."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *