A BOLA – “Não pensei nos meus sonhos de jogar 300 jogos com o Benfica” (Benfica)

Uma noite especial para Betzi. O jogo da Taça da Liga começou com Vittoria de Guimarães no banco, e o jogo já tinha começado na segunda parte e acabou por ser decisivo para o resultado final. Mas ele é especial também, porque quando entrou em campo, o público chegou a 300º para uma águia no peito. Foi Jorge Jesus quem o lançou pela primeira vez em 2014, e ontem também foi Jesus quem lhe permitiu atingir uma marca ao alcance de poucos a serviço das águias.

“É com muito orgulho representar este clube, nunca pensei nos meus melhores sonhos disputar 300 jogos pelo Benfica. Estou grato e tenho que agradecer a todos os companheiros que me ajudaram a chegar aqui e à família pelo apoio em todos os momentos. Espero jogar mais partidas e ajudar o time a ganhar títulos. É isso que eu quero ”.

Em relação ao jogo, Betzi destacou uma “vitória complicada” e parabenizou toda a equipa pela “fé” que revelou.

“Na Parte Um, poderíamos ter feito melhor de acordo com minha visão. Acho que poderíamos ter pairado mais um pouco e ter mais chances de perigo. A verdade é que Vittoria rebateu uma ou duas vezes ao nosso golo, mas fizemos uma segunda parte muito boa. Com muita bola, com paciência, dominar a bola e trocá-la no último terço, cria chances de fazer gols. Infelizmente, não conseguimos virar o jogo em 90 minutos. Foi uma vitória de muita fé, de grande qualidade no segundo tempo. Parabéns a toda equipe. Até nos pênaltis estivemos muito bem. Todos os que venceram e até o nosso guarda-redes, a quem devemos muito mérito.

Pezzi referiu-se ao pênalti que garantiu o empate e também marcou depois no empate: “Não posso dar muitos conselhos porque se os goleiros do adversário não sabem … Mas procuro sempre ter meu jeito de rebater e sempre admiro o goleiro. Redes até o último minuto. Você marcou gols e o importante é ajudar o time.

READ  Depois de apelar aos portugueses para "ultrapassarem o medo" do vírus, vão às urnas.

Duas lutas se seguem na semana, nada incomodava Bizi: “Estamos acostumados a competir a cada dois ou três dias. Queremos jogar, temos certeza. ”

You May Also Like

About the Author: Germano Álvares

"Desbravador de cerveja apaixonado. Álcool alcoólico incurável. Geek de bacon. Viciado em web em geral."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *