Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Formação & Ensino

Ensino da programação e da robótica de volta à Academia deCode em Óbidos

É uma competência e uma linguagem de futuro, e está de regresso ao ensino de crianças e jovens da região com o deCode – Academia de Programação e Robótica. O projecto, na sua 3ª edição, é destinado a alunos dos 6 aos 18 anos que tenham interesse em construir jogos, animações interactivas, ou outras aplicações multimédia.

O programa arranca em Janeiro, e decorrerá na Escola Josefa de Óbidos (com alunos do 1º ciclo do ensino básico) e no Parque Tecnológico de Óbidos (com os alunos dos restantes níveis de ensino).

No âmbito deste projecto, as crianças vão ter acesso a ferramentas que as vão ajudar a compreender como funciona a Programação – linguagem de computador – estimulando até o seu interesse por áreas como a criação de software.

A aposta na robótica pelo segundo ano consecutivo, em articulação com o ensino da programação, pretende potenciar nos alunos o desenvolvimento de competências e a aquisição de conhecimentos transversais a diversas disciplinas como a matemática, a físico-química, a electrónica ou a mecânica.

«Aprender diferentes linguagens de programação é tão importante como falar Inglês. Em Portugal, a área da programação informática regista hoje uma das mais elevadas taxas de empregabilidade, em contraponto com o número de programadores especializados existentes», explica o Parque Tecnológico de Óbidos em comunicado.

Até 2020, a Comissão Europeia estima que fiquem por preencher, no nosso país, cerca de 15 mil vagas no sector das TI. Na União Europeia, serão mais de 900 mil.

Com o aumento do número de empresas de base tecnológica a instalar-se na região, e como forma de ajudar a suprir a carência de recursos, o Parque Tecnológico de Óbidos tem vindo a trabalhar com as escolas no sentido de as aproximar à comunidade empresarial.

Recorde-se que Óbidos assumiu o pioneirismo no ensino da programação para crianças e jovens através do projecto deCode, coordenado pelo Parque Tecnológico de Óbidos e pelo município de Óbidos, em parceria com o Agrupamento de Escolas Josefa de Óbidos e Instituto Politécnico de Leiria.

As inscrições estão abertas e poderão ser feitas através dos números 262 955 700 / 262 077 001, ou dos endereços obitec@cm-obidos.pt / susana.abrantes@obidosparque.com.

Fonte: Parque Tecnológico de Óbidos

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros. 

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.