Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Formação & Ensino

Politécnico de Leiria coloca 1.625 novos estudantes na primeira fase do concurso de acesso

O Politécnico de Leiria aumenta, pelo sexto ano consecutivo, o número de colocados na primeira fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior, registando um crescimento de 7,4% em relação a 2016, o que corresponde à colocação de mais 112 estudantes que no ano anterior. O Instituto recebe assim 1.625 novos estudantes nas suas licenciaturas, e incrementa a taxa de preenchimento de vagas de 80% para 86%, valor que sobe para 90% no que respeita às vagas em regime diurno.

Nuno Mangas, presidente do IPLeiria, refere que, «em termos nacionais, foi uma das instituições que registou o maior aumento do número de estudantes colocados, estando entre as 10 instituições públicas de ensino superior com mais estudantes colocados na primeira fase do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior».

Da oferta formativa do IPLeiria no que respeita a licenciaturas, 32 cursos preencheram já a totalidade das vagas disponíveis: Comunicação e Media, Desporto e Bem-Estar, Educação Social, Relações Humanas e Comunicação Organizacional, Serviço Social, Tradução e Interpretação: Português/Chinês – Chinês/Português da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais (ESECS), Administração Pública, Biomecânica, Engenharia Informática, Engenharia Mecânica, Gestão, Contabilidade de Finanças, Jogos Digitais e Multimédia, Marketing e Solicitadoria da Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG), Artes Plásticas, Design de Produto – Cerâmica e Vidro, Design de Ambientes, Design Gráfico e Multimédia (Diurno e pós-laboral), Design Industrial, Som e Imagem e Teatro, da Escola Superior de Artes e Design de Caldas da Rainha (ESAD.CR), Animação Turística, Biologia Marinha e Biotecnologia, Gestão de Eventos, Gestão Turística e Hoteleira, Marketing Turístico e Turismo, da Escola Superior de Turismo e Tecnologia do Mar (ESTM), e Diatética e Nutrição, Enfermagem e Fisioterapia, da Escola Superior de Saúde (ESSLei).

A ESAD.CR preencheu 342 das 348 vagas disponíveis (98%), seguindo-se a ESTM e a ESECS, que ocuparam, respetivamente, com 87% e 86% das suas vagas. Os cursos que registaram a média de entrada mais alta – do último estudante colocado – foram: Design Gráfico e Multimédia da ESAD.CR (155,6), Tradução e Interpretação; Português/Chinês-Chinês/Português da ESECS (145,1), Fisioterapia da ESSLei (144,0) e Teatro na ESAD.CR (141,8).

Fonte: IPL

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.