Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Leiria cria uma Provedoria contra furtos de cobre

A GNR, PT e empresários de Leiria criaram um Serviço de Provedoria para combater o crescente furto de cobre no distrito, disse hoje o presidente da NERLEI — Associação Empresarial da Região de Leiria.

Segundo dados da GNR até julho deste ano foi participado no distrito de Leiria o furto de 85 quilómetros de fio de cobre, com um valor estimado em 377 mil euros.

Em 2010, foram realizadas 687 denúncias, tendo desaparecido nesse ano mais de 373 quilómetros de cabos, avaliados em 811 mil euros.

Em comunicado a NERLEI informa que enviou aos seus associados informação para, sempre que presenciarem uma das situações abaixo descritas, comunicarem com o Departamento de Estudos e Apoio Técnico da NERLEI – Serviço de Provedoria das Empresas para apoiotecnico@nerlei.pt ou tel. 244 890 200.

Em causa estão situações de corte súbito de energia e comunicações; realização de trabalhos nas redes eléctricas e de comunicações, por indivíduos não identificados ou em horários tardios; situações em que é registada a presença em determinados lugares, de indivíduos e veículos suspeitos; situações em que são detectadas fogueiras (cheiro a borracha/plástico, fumo intenso e preto) em áreas isoladas e conhecimento próprio ou rumores de situações de furtos de cobre.

Para além destes alertas, a NERLEI dispõe de um contacto directo com técnicos da PT responsáveis da zona Centro da área das avarias/conservação da rede local e, consequentemente, pela reposição do serviço. Assim, as empresas, sempre que tiverem algum problema relacionado com falhas de comunicação, deverão contactar o Serviço de Provedoria das Empresas da NERLEI para os contactos acima já referenciados

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.