Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Empresas

Sunaitec convidada a participar na Expo 2010 em Xangai

Célia Marques

A empresa leiriense Sunaitec foi convidada pelo governo português a marcar presença no Pavilhão de Portugal, na Expo 2010, em Xangai. Em causa está a inovadora tecnologia que desenvolveu, patenteada sob a designação de Estruturas Solares Multifunções.

Para a Sunaitec, este convite representa o «reconhecimento e credibilidade, por parte do Governo, da existência de um produto português inovador e de elevada tecnologia, que merece ser divulgado nacional e internacionalmente», e que se enquadra no objectivo «de mostrar internamente e ao mundo, na Expo 2010, a capacidade científica e tecnológica de Portugal na área das energias renováveis», explicou ao Leiria Económica, Amílcar Lopes, autor do projecto.

O responsável considera ainda que «a oportunidade constitui uma forte acção promocional», que poderá «ajudar a alavancar o negócio e abrir portas importantes na sua internacionalização».

Ainda no decorrer da presença nesta exposição mundial, e também a pedido do governo português, a Sunaitec fará, em Julho, uma apresentação da sua tecnologia em Xangai, no âmbito da temática da construção sustentável.

A sala 3 do Pavilhão de Portugal da Expo 2010 Xangai, subordinada ao tema das energias renováveis e da eficiência energética, pretende retratar o contributo português para “Melhores Cidades, Maior Qualidade de Vida” – tema da exposição – através da sua actividade neste domínio. A exposição é composta por três subtemas: energia hídrica, energia eólica e energia solar, aos quais se acrescenta a construção sustentável.

As Estruturas Solares Multifunções, desenvolvidas e fabricadas pela Sunaitec, representam uma solução inovadora para a captação da energia solar térmica e fotovoltaica, com integração arquitectónica, alternativa aos colectores solares, para utilização em edifícios residenciais e de serviços.

A natureza multifuncional do sistema permite substituir elementos de construção tradicionais, como sombreamento de varandas e terraços, coberturas de piscinas ou estacionamentos.

Equipamento certificado e em fase de up-grade

O equipamento encontra-se certificado desde Outubro de 2009, cumprindo todos os requisitos necessários no âmbito do Regulamento das Características de Comportamento Térmico dos Edifícios (RCCTE), que obriga à colocação de colectores solares térmicos nos novos edifícios e habitações.

A empresa realizou instalações do Porto ao Algarve, estando também a «estabelecer parcerias com empresas de projecto e arquitectura e empresas de instalação, através de acordos comerciais com preços controlados chave na mão», adiantou o responsável.

Em simultâneo, tem um curso actividades de I&D para colocar no mercado a versão do mesmo equipamento a gerar electricidade por via de soluções fotovoltaicas, termoeléctricas, ou a partir de vapor.

Sunaitec presente em iniciativas da EDP

A Sunaitec esteve presente, em Abril último, em Évora, a convite do MEID -Ministério da Economia da Inovação e Desenvolvimento, na primeira exposição Inov-City, promovida pela EDP. A participação deu-se ao nível da exposição do produto e enquanto oradores na conferência “Cidades do Futuro”.

Até ao próximo dia 26 de Junho, o equipamento Sunaitec está também exposto na “Casa Eficiente do National Geographic Channel by EDP”, junto ao Museu da Electricidade, em Belém.

As entradas são gratuitas e o espaço pode ser visitado de domingo a sexta-feira, entre as 10h00 e as 18h00, e sábados, entre as 10h00 e as 20h00.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.