Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

China: lucros dos bancos aumentaram 50%

Os lucros dos bancos chineses aumentaram 50,62% nos primeiros nove meses de 2007 apesar de terem perdido 4.120 milhões de dólares (3.320 milhões de euros) com a crise do crédito nos Estados Unidos.

«A banca chinesa registou mais uma boa colheita enquanto o resto do mundo sofria sob a propagação da crise financeira global», disse hoje uma publicação oficial, cita pela agência Lusa.

Segundo o semanário Beijing Review, os 14 bancos chineses cotados na bolsa, todos estatais, lucraram 334,1 mil milhões de yuan (38 mil milhões de euros) nos primeiros nove meses de 2007, «crescendo muito mais rapidamente que as outras empresas do sector publico».

Dois dos maiores – o Bank of China e o Industrial and Comercial Bank of China – tinham também vários investimentos nos Estados Unidos, onde perderam, respectivamente, 2 mil milhões de dólares (1,1 mil milhões de euros) e 1,31 mil milhões de dólares (1,04 mil milhões de euros).

Parte dos prejuízos está associada à falência da Lehman Brothers Holdings Inc, mas aqueles valores representam apenas 0,2% e 0,1% dos activos dos respectivos bancos, salienta a Beijing Review.

«A crise financeira global teve um impacto limitado na indústria bancária do pais porque apesar de algumas percas, não afectou o crescimento do lucro líquido do sector», garante um analista citado pela referida publicação.

Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros. 

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.