Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

AIP organiza duas missões a Angola em Novembro e Dezembro

Duas missões empresariais compostas por pequenas e médias empresas portuguesas deslocam-se a Angola, uma em Novembro e outra em Dezembro, anunciou hoje a Associação Industrial Portuguesa (AIP).

«As duas missões empresariais são compostas por PME multisectoriais da área dos serviços, alimentação, empresas de construção vocacionadas para nichos do mercado da habitação, cerâmica e electricidade/electrónica», disse à agência Lusa Fátima Vilamaior, responsável da AIP pela internacionalização.

Os dois grupos de empresas abarcam vários sectores de actividade e áreas complementares, sendo as missões resultado de uma estratégia que a AIP delineou para este ano, seguindo as solicitações dos seus associados e as tendências do tecido empresarial português.

«O mercado angolano é visto como tendo um elevado potencial para a exploração de oportunidades de negócio de interesse mútuo», adiantou à Lusa. Nas três missões já realizadas a Angola, durante o primeiro semestre deste ano, a AIP contou com a participação de cerca de 30 empresas.

O «Projecto PME Internacional III» foi concebido para apoiar de forma sustentada a internacionalização das empresas portuguesas e já vai na sua terceira edição. O projecto proporciona ainda, durante o período de um ano, formação, informação de mercado e consultoria técnica à medida das suas necessidades, dotando-as das competências fundamentais para o seu processo de internacionalização.

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.