Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Contactos na China vão aumentar receitas para portos portugueses entre 8 e 12%

Os contactos estabelecidos na China vão permitir aumentar as receitas dos portos portugueses entre 8 e 12% até 2009, afirmou hoje a secretária de Estados dos Transportes, em Pequim, em declarações à agência Lusa. Ana Paula Vitorino, destacou a competitividade dos portos portugueses e considerou que o impacto nas receitas poderá ser ainda maior «dependendo do tipo de mercadorias».

«Os portos portugueses afirmam-se, não pela dimensão, mas pela localização e pela capacidade que têm tido de conseguirem tempos altamente competitivos em relação a outros portos europeus», sublinhou.

A secretária de Estado assinou hoje um memorando de entendimento com o vice-ministro chinês das Comunicações para a cooperação económica entre os dois países, com especial enfoque no sector maritímo-portuário e presidiu à assinatura de um protocolo de colaboração entre o porto de Sines e o porto de Tianjin, que serve a zona de Pequim.

Segundo a secretária de Estado, a utilização dos portos portugueses pelas companhias chinesas permite-lhes uma redução de custos na cadeia logística, com tempos de carga e descarga mais baixos e tempos de espera e de acessos aos destinos também mais reduzidos.

Depois da manifestação de interesse do governo chinês em “estreitar laços”, os portos portugueses poderão esperar que o movimento de navios e cargas com destino ou origem na China cresça três a seis vezes até 2009, para um total de 7,3 milhões de toneladas de contentores.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros. 

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.