Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Comissão Europeia apoia promoção da Maçã de Alcobaça

A Comissão Europeia aprovou os programas apresentados pela Associação dos Produtores da Maçã de Alcobaça e pela Federação Nacional das Cooperativas de Leite e Lacticínios destinados à promoção dos respectivos produtos. Os programas portugueses têm a duração de três anos e estão estimados respectivamente em 996 mil euros e 5 milhões de euros, sendo co-financiadas em cerca de metade pela Comissão, revela o Jornal Oeste Online.

Os programas apresentados por Portugal fazem parte de um conjunto de cerca de três dezenas propostos por 19 Estados membros, com vista à promoção de produtos de origem controlada (DOC), produtos com indicação geográfica protegida (PDI), especialidades tradicionais garantidas (TSG), carne, vinho, fruta, vegetais, mel a batatas.

Na perspectiva da Comissária da Agricultura, Mariann Fischer Boel, os produtos agrícolas europeus são únicos na sua qualidade e diversidade. «Num mercado global em expansão, precisamos de duplicar os nossos esforços para que os consumidoras percebam os seus benefícios», afirmou a comissária acrescentando que não bastam produtos excelentes, precisamos de saber usar o marketing.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.