Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Formação & Ensino

IPL é o politécnico do país que mais cresce em artigos científicos publicados

O Instituto Politécnico de Leiria (IPL) é, no ranking dos politécnicos com mais de 200 artigos, o que mais cresceu no país em número de artigos científicos publicados entre 2005 e 2010, tendo passado de oito artigos para 74 artigos, num total acumulado de 222 artigos, revela em comunicado.

«A publicação de artigos científicos é o principal indicador da actividade de investigação científica de uma instituição de ensino superior. O IPL vem apresentando assim um crescimento sustentado ano após ano, sendo o quinto politécnico a nível nacional com mais artigos publicados na SCOPUS, base de dados online e, simultaneamente, ferramenta de navegação que abrange a maior colecção de resumos, referências e indicadores da literatura científica, técnica e médica», explica o docmento.

A investigação tem sido uma grande aposta ao longo dos últimos anos, pelo que foram criadas no Instituto Politécnico de Leiria várias unidades de investigação integradas no INDEA – Instituto de Investigação, Desenvolvimento e Estudos Avançados, que coordena toda a actividade de estudos pós-graduados e investigação científica do IPL. De sublinhar o Centro para o Desenvolvimento Rápido e Sustentado do Produto, unidade de investigação que tem desenvolvido a sua actividade principalmente na área da Engenharia Mecânica e que foi avaliado com a classificação “Excelente” pela Fundação para a Ciência e Tecnologia.

O IPL tem vindo, também, a apostar na qualificação do seu corpo docente, criando condições para a sua formação e obtenção do grau de doutoramento. Neste momento o IPL tem cerca de 240 professores doutorados, num total de 700 docentes em tempo integral, estando em doutoramento mais cerca de 350 docentes.

Fundado há 30 anos, o IPL representa actualmente cerca de 95% do ensino superior do distrito de Leiria e abrange uma comunidade de mais de 12 mil estudantes, cerca de 900 docentes e mais de 300 funcionários técnicos e administrativos. Está distribuída pelas cidades de Leiria, onde se localiza a sua sede, Caldas da Rainha e Peniche, e organizado em cinco campus: Escola Superior de Educação e Ciências Sociais, Escola Superior de Tecnologia e Gestão, Escola Superior de Saúde, Escola Superior de Artes e Design de Caldas da Rainha e Escola Superior de Turismo e Tecnologia do Mar de Peniche.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros. 

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.