Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Berlim aprova plano para poupar 80 mil milhões até 2014

O governo alemão aprovou hoje um plano para poupar 80 mil milhões de euros até 2014 com a intenção de sanear as finanças públicas do país.

O plano aprovado hoje em Conselho de Ministros inclui cortes nas despesas sociais, como os subsídios de desemprego, diminuição dos gastos no setor da Defesa e introdução de um imposto sobre os bilhetes de avião de voos com partida da Alemanha, uma medida que gerou protesto das companhias de aviação preocupadas com a perda de competitividade.

As empresas sediadas na Alemanha também vão participar neste plano através de um aumento da fiscalidade sobre atividades não sustentáveis e uma reforma da legislação sobre falências que, ainda assim, vai penalizar menos as empresas do que o projeto inicial.

A chanceler Angela Merkel já tinha apresentado o programa de austeridade no início de junho, que foi criticado tanto dentro como fora da Alemanha pelos potenciais efeitos nefastos na recuperação económica.

A consolidação orçamental é “uma condição prévia para um crescimento económico sustentável”, argumentou o ministro alemão das Finanças Wolfgang Schäuble.

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.