Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Empresas

Gescartão lucra 2,8 milhões de euros no primeiro trimestre

Os lucros da Gescartão nos primeiros três meses de 2006 mantiveram-se inalterados, mas as vendas aumentaram 27% devido à evolução do preço de venda de papel «kraft». A empresa prevê obter sinergias com o fecho da fábrica da Marinha Grande já nos próximos trimestres, revela o Jornal de Negócios.

Os lucros da Gescartão nos primeiros três meses de 2006 mantiveram-se inalterados, mas as vendas aumentaram 27% devido à evolução do preço de venda de papel «kraft». A empresa prevê obter sinergias com o fecho da fábrica da Marinha Grande já nos próximos trimestres.

De Janeiro a Março de 2006, a Gescartão lucrou 2,8 milhões de euros, um valor idêntico ao conseguido nos primeiros três meses de 2005.

O valor das vendas aumentou dos 41,3 para os 52,6 milhões de euros, mas o EBITDA (resultados antes dos juros, impostos, amortizações / depreciações) desceu ligeiramente dos 9,5 para os 9,2 milhões de euros.

A subida dos preços do papel «kraft» foi determinante para incrementar o valor das vendas, já que «o aumento da procura de papel ‘kraft’ nos mercados europeus, em conjunto com os baixos níveis de stocks, permitiu realizar duas subidas do preço do ‘kraft’, em 50 euros por tonelada cada uma, desde Outubro de 2005».

A procura de papel para embalagens de cartão canelado «continua a mostrar-se bastante forte», segundo a empresa que está a antecipar uma nova subida do preço do «kraftliner» em toda a Europa ainda durante o segundo trimestre de 2006, de 50 euros por tonelada.

No final do primeiro trimestre, o conselho de administração da empresa deliberou cessar a actividade da fábrica de produção de embalagens LEPE – Empresa Portuguesa de Embalagens.

No seguimento deste encerramento, «é esperada uma melhoria da eficiência competitividade das restantes unidades de produção. Antevêem-se pois, para próximos trimestres, as sinergias resultantes desta medida de racionalização», vaticina a empresa.
As acções da Gescartão fecharam hoje em queda de 0,31% para os 16,16 euros.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros. 

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.