Três nomeados canadenses para a Bola de Ouro

As canadenses Kristen Sinclair, Ashley Lawrence e Jesse Fleming competem pela Bola de Ouro, concedida ao Creme de la Creme do futebol internacional.


Neil Davidson
Imprensa canadense

Sinclair (Portland Thorns), o maior artilheiro de todos os tempos do mundo com 187 gols, ajudou o Canadá a ganhar o ouro olímpico no Japão neste verão.

Lawrence (Paris Saint-Germain) e Fleming (Chelsea) também fizeram parte desta equipe campeã.

FOTO FERNANDO VERGARA, imprensa de arquivo

Jesse Fleming (17)

“Muito feliz e grato” por mencionar seu nome, disse Lawrence nas redes sociais.

FOTO PHILIP FONG, Agence France-Presse

Ashley Lawrence

“É uma confissão muito atrasada”, disse a atacante canadense Janine Becky no Twitter.

Concedido pela revista França Futebol, recebeu a Bola de Ouro desde 1956 e a revista lançou seu Prêmio Feminino em 2018.

Os prêmios não foram entregues no ano passado devido à pandemia.

Na seleção masculina de 30 jogadores, destacam-se o argentino Lionel Messi (Paris Saint-Germain) e o português Cristiano Ronaldo (Manchester United).

Messi ganhou o prêmio seis vezes e Ronaldo cinco vezes.

Foto de Christian Hartmann, Arquivos da Reuters

Lionel Messi e seis bolas douradas

Os outros 20 jogadores em competição são Stena Blacksteinius (Suécia), Kadediatou Diani (França), Christian Endler (Chile), Magdalena Eriksson (Suécia), Pernel Harder (Dinamarca), Jennifer Hermoso (Espanha), Marie Antoinette Catuto (França). , Sam Kerr (Austrália), Fran Kirby (Inglaterra), Lake Martins (Holanda), Samantha Mewes (EUA), Vivian Medema (Holanda), Sandra Banos (Espanha), Irene Paredes (Espanha), Alexia Butillas (Espanha), Wendy Renard (França) e Elaine White (Inglaterra).

A seleção masculina também inclui Cesar Azpilicueta (Espanha), Nicolo Parilla (Itália), Karim Benzema (França), Leonardo Bonucci (Itália), Giorgio Chiellini (Itália), Gianluigi Donnarumma (Itália), Kevin De Bruyne (Bélgica) e Robin Dias . (Portugal), Bruno Fernandez (Portugal), Phil Foden (Inglaterra), Erling Haaland (Noruega), Jorginho (Itália), Harry Kane (Inglaterra), N’Golo Kante (França), Simon Kjeer (Dinamarca), Robert Lewandowski ( Polônia), Romelu Lukaku (Bélgica), Kylian Mbappe (França), Gerard Moreno (Espanha), Mason Mount (Inglaterra), Riyad Mahrez (Argélia), Lautaro Martinez (Argentina); Luka Modric (Croácia), Neymar (Brasil), Pedri (Espanha), Mohamed Salah (Egito), Raheem Sterling (Inglaterra) e Luis Suarez (Uruguai).

See also  Parceria com clube português ampliada

Os vencedores serão anunciados em 29 de novembro.

Cerca de 180 jornalistas de todo o mundo vão votar no prêmio masculino, enquanto 50 jornalistas especializados em futebol feminino nomearão o vencedor neste aspecto.

Messi e a americana Megan Rapinoe ganharam esta homenagem em 2019.

You May Also Like

About the Author: Germano Álvares

"Desbravador de cerveja apaixonado. Álcool alcoólico incurável. Geek de bacon. Viciado em web em geral."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *