Tour pela Polônia: um dia de sucesso para Antoine Duchesne

(Sportcom) – Quatro companheiros de equipe de Antoine Duchesne da Groupama-FDJ conseguiram terminar a terceira fase do Tour da Polônia como o time líder do pelotão na quarta-feira. Para os quebequenses, esses resultados são sinais de bons negócios.

“A fuga foi forte na frente, mas conseguimos colocar Jake Stewart (14) muito bem na final. Ele ficou um pouco preso, mas o resultado é melhor do que nos últimos dias”, disse o ciclista de 29 anos disse em uma entrevista à Sportcom.

Duchesne terminou em 106º, 19 segundos atrás do grupo em ascensão. Resultado muito satisfatório.

“Foi um bom dia. Ainda estou me sentindo muito melhor. No final fiz meu trabalho para ajudar Stewart em particular. Estou recuperando minha confiança e me divertindo de novo”, explicou Duchesne.

Foi o colombiano Fernando Gaviria (Nacional dos Emirados Árabes Unidos) quem saiu vitorioso desta terceira etapa, decidida em sprint. Gaviria venceu o holandês Olaf Koeig (Jumbo-Visma) e o alemão Phil Bauhaus (Bahrain-Victorius) na linha de chegada.

Vencedor da segunda etapa, o português João Almeida (Deceuninck-Quick Step) ainda está no topo da classificação geral provisória, seguido pelo italiano Diego Ulissi (Emirados Árabes Unidos) e pelo esloveno Matej Muhoric (Bahrain-Victorius) a cada dois a quatro segundos.

Os pilotos estarão de volta à ação na quinta-feira, atravessando as montanhas entre Tarno e o resort de Bucovina.

Cote termina com líderes na Dinamarca

Do lado do Tour da Dinamarca, os ciclistas tiveram que percorrer 189,6 quilômetros entre Ribe e Sonderborg na segunda etapa.

Pierre-Andre Cottier (Rally Racing), de Saint-Henri de Levis, saiu-se bem ao terminar a prova na final com os líderes e terminar em 37º. Seu companheiro de equipe Nicholas Zukowski terminou 14 segundos depois, em 42º.

See also  Dwayne Haskins: Washington soccer team releases quarterback after seating rules and Covid-19 are violated

Dane Mads Pedersen (Trek-Segafredo) venceu o evento à frente do italiano Giacomo Nizzolo (Qhubeka NextHash) e do holandês Dylan Groenewegen (Jumbo-Visma).

Zukowski, de St. Lucy de Laurentides, é 30º na classificação geral provisória, enquanto Coté saltou oito lugares para chegar ao 38º. Liderando a classificação está o vencedor da primeira etapa do Tour, Groenewegen.

Os corredores retomam a rota quinta-feira entre Tonder e Vejle.

You May Also Like

About the Author: Lucinda Lima

"Desbravador de cerveja apaixonado. Álcool alcoólico incurável. Geek de bacon. Viciado em web em geral."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *