submarinos | Austrália terá ‘paciência’ para restabelecer relações com a França

(Sydney) O primeiro-ministro australiano admitiu, na noite de quarta-feira, que o presidente francês Emmanuel Macron está enfrentando tempos difíceis depois de quebrar um contrato com submarinos, mas Scott Morrison prometeu ser “paciente” para restaurar as relações com a França.


Falando em Washington à noite, Morrison deixou claro que tentou falar com Macron, mas a entrevista “ainda não ocorreu”.

“Mas seremos pacientes. Entendemos sua decepção”, confirma Morrison, uma semana depois que a Austrália terminou sem aviso um contrato para comprar doze submarinos de propulsão convencional franceses no valor de A $ 90 bilhões ($ 83 bilhões no Canadá).

Paralelamente a essa quebra de contrato, a Austrália havia anunciado a aquisição de pelo menos oito submarinos nucleares americanos ou britânicos, após meses de negociações secretas, que irritaram Paris.

Em resposta, a França cancelou uma noite de gala em Washington que deveria celebrar as relações franco-americanas, e chamou de volta seus embaixadores em Washington e Canberra, acusando os dois países de bater nele “nas costas”.

Enquanto os presidentes dos Estados Unidos e da França tentaram aliviar as tensões em uma entrevista por telefone de 30 minutos, que Joe Biden descreveu como cordial, nada disso foi feito com Morrison.

A França planeja devolver seu embaixador a Washington na próxima semana, mas não definiu uma data para uma ação semelhante em Canberra.

“A Austrália decidiu não buscar um contrato de defesa muito importante. Sabemos que a França está decepcionada com essa decisão, o que é compreensível”, disse Morrison.

“Acho que vai demorar mais para resolver essas questões do que aquelas resolvidas entre os Estados Unidos e a França.”

See also  Projeto de Reforma Eleitoral Democrática | Divisões profundas no Senado após os republicanos se recusarem a abrir o debate

You May Also Like

About the Author: Hermínio Guimarães

"Introvertido premiado. Viciado em mídia social sutilmente charmoso. Praticante de zumbis. Aficionado por música irritantemente humilde."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *