o clima. Um austríaco com esclerose múltipla está apelando para o Tribunal Europeu dos Direitos Humanos

uma austríaco Ele sofre de esclerose múltipla, cujos sintomas pioram com altas temperaturas Fazer uma reclamação Contra seu país por não protegê-lo do aquecimento global do meu irmão.

Este recurso foi apresentado ao Tribunal Europeu dos Direitos do Homem (CEDH), a secção local do movimento que anunciou segunda-feira, 12 de abril. Sexta-feira para o futuro, Por iniciativa da ativista sueca Greta Thunberg.

“Já fui afetado pela crise climática e serei afetado ainda mais no futuro.”

“Assim que a temperatura passar de 25 graus, tenho que usar cadeira de rodas. Ou seja, já fui afetado pela crise climática e serei mais afetado no futuro”.Mix M., que deseja manter o anonimato, explica, citado no comunicado.

Os tribunais austríacos o rejeitaram em outubro Para perguntas sobre o formulárioEste consultor de energia de 40 anos está agora se voltando para a Comissão Europeia, alegando que a Áustria, disse ele, está violando muitas disposições da Convenção Europeia sobre Direitos Humanos, incluindo seu Artigo 2. ‘O direito à vida’.

Na Áustria, a legislação climática é “extremamente fraca”, de acordo com o advogado do paciente

“A lei nacional do clima é muito fraca e o arsenal judicial atual não nos permite entrar com um recurso”.Sua advogada, May Michaela Cromer, explica.

Com este pedido, “exigimos, portanto, o direito de contestar esta lei e também apelamos a medidas climáticas mais eficazes”.

“O país falhou em agir e deve fazer mais para limitar o aumento da temperatura global para 1,5 grau.” Em comparação com os níveis pré-industriais, diz ela.

Um volume de mil páginas

Um dossiê de mil páginas foi enviado na sexta-feira, 9 de abril, a Estrasburgo, onde o tribunal deve decidir até o verão se o caso deve ser tratado com prioridade devido à emergência climática.

READ  Favre, Jardim, Valverde ... qual treinador da OM?

Fridays For Future lançou uma campanha de crowdfunding que arrecadou 30.000 euros para cobrir todos os custos.

O Tribunal Europeu dos Direitos do Homem está a examinar duas queixas semelhantes: Seis portugueses, com idades entre os oito e os 21 anos, acusam 33 países europeus de não terem cumprido os seus compromissos de combate ao aquecimento global, enquanto na Suíça, a Liga é acusada “Anciões para proteger o clima” A Confederação Suíça está processando por negligenciar o clima.

You May Also Like

About the Author: Germano Álvares

"Desbravador de cerveja apaixonado. Álcool alcoólico incurável. Geek de bacon. Viciado em web em geral."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *