‘Má sorte’, Fernando Santos relembra a eliminação de Portugal

A jornada de Portugal rumo ao Euro 2020 terminou nas oitavas de final contra a Bélgica. Fernando Santos, no sábado, em entrevista ao diário O Jogo analisou o desempenho de sua equipe. Segundo o treinador português, a equipa disputou “três jogos bons e um muito mau”.

“Fizemos três partidas boas e uma muito ruim, uma das três piores partidas desde que cheguei. Essa partida contra a Alemanha, com a derrota para a Suíça, logo após a Euro 2016, e a partida na Ucrânia não tem nada a ver com nada que nós tenho feito desde a Copa do Mundo com essa base de jogadores. Posso encontrar explicações, mas não fizemos nós mesmos. Em relação à exclusão, o futebol para mim não é sorte nem azar. Mas quando me perguntaram sobre isso uma segunda vez, depois do Jogo da Bélgica, eu disse: “Se em alguns casos você pode falar sobre sorte, então, em outros casos, você deve falar sobre infortúnio.Fernando Santos comentou antes de falar sobre a Copa do Mundo de 2022, no Catar.

“O primeiro objetivo, claro, para nós é qualificar e garantir a qualificação. Mas acredito e não deixarei de pensar – e quem vier para substituí-lo no futuro certamente pensará o mesmo, porque tenho contrato até 2024 – que Portugal faz parte de um grupo de oito a nove equipas que têm legitimidade e aspirações naturais para lutar por títulos europeus e mundiais., é feito.

See also  Adel Rami, o fim de uma longa espera em Troyes?

You May Also Like

About the Author: Lucinda Lima

"Desbravador de cerveja apaixonado. Álcool alcoólico incurável. Geek de bacon. Viciado em web em geral."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *