Gordon: Três homens negros absolvidos de tentativa de roubo 50 anos após o incidente

Londres | O Tribunal de Apelações de Londres absolveu na terça-feira três homens negros que foram condenados à prisão após serem acusados ​​de tentativa de roubo por um policial enganoso há quase 50 anos.

Esta é a terceira vez que as condenações são anuladas em casos envolvendo a Polícia de Transportes britânica Derek Ridgwell. Este policial morreu em 1982 de um ataque cardíaco na prisão, onde cumpria pena por conspiração para roubar malas de correio.

Os três homens foram absolvidos na terça-feira, e Courtney Harriot, Paul Green e Cleveland Davidson, com 17 e 20 anos na época, foram presos em fevereiro de 1972 no metrô de Londres, que eles pegaram emprestado na estação Stockwell, ao sul da capital.

Eles foram acusados ​​de tentar roubar Derek Ridgwell. O trio e três outros amigos, rebatizados de “Stockwell Six”, foram indiciados em grande parte com base nas acusações do policial.

Todos se declararam inocentes e disseram que os policiais mentiram, ameaçaram e os maltrataram, mas todos, exceto um, foram condenados e enviados para a prisão ou reformatório.

Depois que o Conselho de Revisão Criminal assumiu o caso, o Tribunal de Apelações revisou suas condenações e absolveu Harriot, Green e Davidson na terça-feira.

O juiz Julian Flew, ao anunciar a anulação de suas condenações, declarou que era “extremamente lamentável ter demorado quase 50 anos para corrigir a injustiça sofrida”.

Os outros dois membros do “Stockwell Six” que foram julgados não foram encontrados.

See also  Traduzido por Amanda Gorman: Progressive Victim of Progressive

You May Also Like

About the Author: Hermínio Guimarães

"Introvertido premiado. Viciado em mídia social sutilmente charmoso. Praticante de zumbis. Aficionado por música irritantemente humilde."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *