Conscientize os prefeitos sobre o rastreamento do câncer cervical

Na França, quase 1.000 pacientes morrem todos os anos de câncer cervical. Ao mesmo tempo, cerca de 3.000 casos desses cânceres são detectados anualmente, daí a importância do rastreamento.


Em 10 anos, o comportamento da mulher já mudou. A REDECA, rede de rastreamento de câncer, tem observado regularidade em pacientes entre 25 e 45 anos.


© Mayotte la 1ere

Por ocasião da Semana Europeia de Prevenção do Câncer do Colo do útero, de 25 a 31 de janeiro, a REDECA se mobilizou para fazer o rastreamento do câncer do colo do útero. Diante do número de 3.000 mulheres com esse câncer na França, que causou a morte de 1100 pessoas, a associação intensificou seu trabalho.

Semana europeia de prevenção do câncer cervical

Essa doença é viral e transmissível, podendo se desenvolver e invadir o útero se o exame for feito tardiamente. Encontrar a doença em estágio inicial é uma prioridade para a associação.

Ainda existe relutância entre as mulheres com 45 anos ou mais. Os médicos sugerem que uma pessoa detectada cedo o suficiente tem uma chance melhor de cura.

Em Mayotte, uma média de 5.000 esfregaços cervicais são realizados anualmente.

Rastreio do cancro: Semana de prevenção do cancro do colo do útero

READ  Morar perto de árvores ajuda a prevenir danos causados ​​pela poluição

You May Also Like

About the Author: Irene Alves

"Bacon ninja. Guru do álcool. Explorador orgulhoso. Ávido entusiasta da cultura pop."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *