A Europa Social está no centro das prioridades da presidência portuguesa

Postado em 18 de janeiro de 2021 às 11h18

Portugal assumiu a presidência do Conselho da União Europeia semestralmente desde 1 de janeiro e decidiu centrar-se na questão social. Uma cimeira social terá lugar no Porto nos dias 7 e 8 de maio, com a presença dos parceiros sociais em particular. Portugal gostaria de avançar em algumas iniciativas legislativas (salários mínimos, harmonização dos sistemas de segurança social, transparência salarial, etc.).

Depois da Alemanha, Portugal vai exercer a presidência do Conselho da União Europeia por um período de seis meses. O primeiro-ministro português, Antonio Costa, deixou claras as suas prioridades, em particular o relançamento da Europa social. “A cúpula social que organizaremos reunirá os parceiros sociais, a sociedade civil, as instituições e os Estados membros em um compromisso comum em torno de um plano de ação para o desenvolvimento de uma base social.Disse que Portugal também pretende trabalhar no estreitamento dos laços com a África, as Américas e a região do Índico e do Pacífico.

Esta é a quarta vez que Portugal detém a presidência rotativa do Conselho da União Europeia. Em julho, o país vai passar para a Eslovênia.

>> Consultar notícias de Bruxelas

READ  GitHub HR Chief Resigns in Light of Jewish Employee Termination - TechCrunch

You May Also Like

About the Author: Irene Alves

"Bacon ninja. Guru do álcool. Explorador orgulhoso. Ávido entusiasta da cultura pop."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *