A Confederação Geral das Empresas Marroquinas mantém o seu conselho de administração e o Conselho Empresarial Nacional

A Confederação Geral das Empresas Marroquinas (CGEM) reuniu-se na quarta-feira, 28 de julho de 2021, por meio de videoconferência, com sua diretoria chefiada por Chakib Alj.

Durante esta sessão do Conselho, que decorre nas vésperas das eleições para a Câmara dos Vereadores, o Presidente do CGEM felicitou os membros do Grupo Parlamentar da União pela sua actividade, responsabilidade e empenho inabalável na defesa dos interesses. Para a empresa marroquina, em particular a TPME.

Alj saudou também as alterações introduzidas na Lei Orgânica 28.11 sobre a Câmara dos Vereadores, que visa permitir que as organizações profissionais mais representativas dos empregadores evitem a deportação, e a presença de uma bancada parlamentar ao longo do mandato legislativo.

É também uma oportunidade de traduzir uma parte importante do nosso programa de credenciamento em realidade, que é aumentar os privilégios dos distritos do CGEM por meio de um processo de credenciamento distrital.confirmado.

Assim, os dirigentes do CGEM validaram o seguinte calendário eleitoral:

  • 6 de agosto O início do processo eleitoral com o pedido de inscrição nas listas eleitorais gerais.

  • 07 de setembro : elegendo os grandes eleitores;

  • 5 de outubro : Eleição dos conselheiros.

Concordaram também em alterar os estatutos da Lei Básica 05.21, que introduziu o princípio do credenciamento em favor das organizações profissionais mais representativas de empregadores, aprovaram a carta eleitoral e decidiram convocar a Assembleia Geral Ordinária (AGO) e a Assembleia Extraordinária. Assembleia Geral (AGE), dia 18 de agosto de 2021 por link de vídeo.

Além disso, o Conselho de Administração votou sobre a proposta de nomear novos representantes em várias instituições públicas, semipúblicas ou privadas, bem como a proposta de nomear os presidentes de conselhos de negócios estabelecidos com Burkina Faso, Camarões, Etiópia, Djibouti, Democrático República do Congo, Nigéria, Gana, Ruanda, Portugal, Singapura.

Finalmente, o Conselho de Administração aprovou a nomeação de Samia Terhzaz para o cargo de Diretor Geral Adjunto da Federação dos Estados Árabes do Golfo.

A esta sessão do conselho seguiu-se uma reunião do Conselho Empresarial Nacional (CNE), que avalizou as decisões tomadas pelo conselho.

See also  GitHub admits wrongful dismissal of Jewish employee who warned colleagues to 'stay safe' from Nazis amidst Capitol riots

You May Also Like

About the Author: Irene Alves

"Bacon ninja. Guru do álcool. Explorador orgulhoso. Ávido entusiasta da cultura pop."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *