A bola – “Depois da Supertaça voltei com uma acidez normal” (FC Porto)

Sergio Conceição afirmou que os preparativos para o confronto desta terça-feira (21 horas) com o Vittoria de Guimarães decorreram sem euforia, depois de Candido Oliveira ter conquistado a Supertaça.

“Não houve festa. Foi uma conquista, tivemos momentos divertidos no ônibus, depois os jogadores passaram dois dias com suas merecidas famílias. Depois voltamos ao trabalho, com a mesma azia de sempre, com o habitual trabalho duro dentro de mim e os jogadores naturalmente determinados em treinamento. É verdade que depois de um jogo o mais importante é o seguinte, neste caso com o Vitória. É um teste de maturidade perceber que era um jogo, merecia um título, mas passou. Agora vamos dar uma olhada no jogo mais importante, temos que vencer até percebermos que podemos conquistar o título e olhar para este jogo como uma final. Esse é o segredo dos verdadeiros campeões ”, afirmou em entrevista coletiva, onde alertou para os perigos do próximo competidor, que atualmente ocupa a quinta colocação do torneio.

“Vitória sempre teve times fortes e competitivos. Eles estão de volta ao normal, que é conseguir resultados positivos e estar próximos de clubes que historicamente lutam pelo título. A temporada não começou bem, mas se olharmos os números, constatamos que a sua defesa está menos defensiva, sendo que vêm de três vitórias e encontram-se em fase ascendente. Vai ser um jogo difícil, porque estão todos em Guimarães e estão todos no torneio. (…) É uma equipa com muito talento individual e qualidade, e o João Henrik organiza muito bem as suas equipas. Juntar tudo pode render bons resultados. Apesar da derrota na copa para o Santa Clara, o Vitória mostrou que tem um excelente time ”.

READ  O FBI alerta sobre protestos armados em 50 estados e em Washington, D.C.

Quando questionado se daria especial atenção a Ricardo Quaresma: “Estou sempre atento à equipa Vittoria em geral. Quaresma é um jogador experiente e com a mesma qualidade dos demais convocados do Vitória. Temos que olhar para a equipe como um todo. Prestamos atenção aos indivíduos, parte da observação do oponente, não mais do que isso. ”

Mbemba: “Será difícil estar presente no jogo de amanhã.”

You May Also Like

About the Author: Germano Álvares

"Desbravador de cerveja apaixonado. Álcool alcoólico incurável. Geek de bacon. Viciado em web em geral."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *