Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Formação & Ensino

Nuno Mangas eleito vice-presidente do CCISP

Nuno Mangas foi recentemente eleito vice-presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP), o órgão representante dos 15 institutos politécnicos e cinco escolas politécnicas não integradas portugueses. O presidente do Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria) assume pela segunda vez consecutiva a vice-presidência do Conselho Coordenador, para um mandato de dois anos.

Presidente do IPLeiria desde 2009, Nuno Mangas é licenciado em Engenharia Eletrotécnica e mestre em Sistemas e Automação pela Universidade de Coimbra. É doutorado em Ciências da Educação pela Universidad de Extremadura, e pós-graduado em “Gestión de la Calidad en los Servicios” e em “Dirección Estratégica de Universidades”, pela Universidade Politécnica da Catalunha. Iniciou a sua atividade docente na Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG) do IPLeiria em 1994, na área de Engenharia Eletrotécnica e Engenharia Informática, e foi vice-presidente do Instituto entre 2004 e 2009. Atualmente é igualmente professor coordenador da ESTG.

Entre as suas competências, cabe ao CCISP colaborar na formulação das políticas nacionais de educação, de ciência e cultura; pronunciar-se sobre todas as matérias relacionadas com o sistema de ensino superior politécnico público, tanto no plano legislativo como orçamental; contribuir para o desenvolvimento do ensino, investigação e cultura em geral, e para a dignificação das instituições de ensino superior politécnico e dos seus agentes, bem como para o estreitamento das ligações com organismo nacionais e estrangeiros.

Fonte: IPLeiria

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.