Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Câmara da Nazaré aprova orçamento de 48,8 milhões de euros

A Câmara da Nazaré aprovou na passada sexta-feira,31 de outubro, um orçamento de 48.8 milhões de euros para 2015. O orçamento e as Grandes Opções do Plano, que são a conclusão da ALE de Valado dos Frades, a criação de um observatório socioeconómico para identificar debilidades e virtudes do tecido económico; realizar estágios de emprego e formação profissional destinados a jovens, criar um gabinete de apoio ao empresário, aposta num turismo menos sazonal e promover o comércio tradicional, entre outros, foram aprovados pela maioria socialista com os votos contra dos vereadores da oposição: PSD e Grupo de Cidadãos Independentes pelo concelho da Nazaré.

O orçamento de 48.851.759,00 euros tem em conta que o município terá que ser sujeito a um Plano de Ajustamento Financeiro, com vista “à reposição do equilíbrio e sustentabilidade financeira de uma grave situação que já se encontra em grande desequilíbrio estrutural há mais de uma década”, pode ler-se nas grandes opções do Plano.

A grande fatia das receitas virá das transferências do Orçamento do Estado e da cobrança de impostos e a maior despesa, orçada em 3,9 milhões de euros, será a referente a custos com pessoal.

De acordo com o presidente da Câmara, Walter Chicharro, os objetivos do plano e orçamento do município continuarão a ser o “equilíbrio das contas municipais, garantir a operacionalidade dos equipamentos municipais e garantir as funções básicas municipais”.

O orçamento e plano serão agora enviados à Assembleia Municipal, que deverá reunir ainda em novembro. O documento, que irá ser distribuído aos deputados municipais, apresenta “linhas orientadoras até 2017”.

Fonte: Câmara Municipal da Nazaré

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.