Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

NERLEI reuniu com presidente do IAPMEI e deputados para apresentar constrangimentos das empresas e propostas de atuação

Abertura e disponibilidade para intervir em tudo o que for possível no sentido de minimizar os constrangimentos com que as empresas se debatem no atual contexto, são as palavras que melhor resumem as reuniões entre a Direção da NERLEI – Associação Empresarial da Região de Leiria, lideradas pelo seu presidente Jorge Santos, e o presidente do IAPMEI (Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação), Luís Filipe Costa, no dia 29 de outubro.

A mesma postura de abertura foi demonstrada pelos deputados à Assembleia da República eleitos por Leiria do PSD, do CDS-PP e do PS, em encontro que ocorreu a 5 de novembro.

Estas reuniões surgem num contexto de antecipação de algumas dificuldades para o tecido empresarial da região e no âmbito daquela que é a missão da NERLEI enquanto estrutura associativa representativa dos interesses das empresas da região de Leiria – atuar na defesa dos interesses dos seus associados, em particular, e de todo o tecido empresarial do distrito, em geral, numa perspectiva pró-ativa de procura de consensos alargados, condição imprescindível para o sucesso de qualquer política de sustentabilidade empresarial.

Como forma de se preparar para estas reuniões e para completar a informação de que já dispunha sobre alguns constrangimentos, a NERLEI contactou as associações sectoriais representativas dos principais sectores de atividade do distrito (moldes, plásticos, construção, cerâmica, rochas ornamentais, agroalimentar e iluminação) para reunir informação sobre os principais problemas que enfrentam as empresas e propostas de atuação.

Entre as questões expostas ao presidente do IAPMEI e aos deputados salientam-se as do financiamento às empresas (custo e limitações no acesso), a dos custos energéticos, duplicação das taxas de publicidade nas estradas nacionais, seguros de crédito, linhas de apoio PME Invest e QREN (Quadro de Referência Estratégica Nacional).

Entre o presidente do IAPMEI e a Direção da NERLEI foi estabelecida uma ponte directa para a resolução dos problemas mais críticos e prementes e foi também manifestada a vontade por parte de Luís Filipe Costa de, ainda em 2012, se deslocar à NERLEI para um encontro com empresários onde possa dar conta de algumas medidas tendentes à resolução de alguns dos constrangimentos apresentados.

Também os deputados à Assembleia da República eleitos por Leiria mostraram toda a disponibilidade para, no contexto da discussão na especialidade do Orçamento do Estado para 2013, tentarem pelas vias possíveis apresentar e introduzir algumas medidas tendentes à resolução dos constrangimentos apresentados.

Fonte: NERLEI

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.