Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Empresas

Log-PME lança serviço «inovador» de gestão de armazéns e mercadorias

A empresa Log-PME, sedeada em Leiria e especializada em logística, lançou no mercado um serviço que visa proporcionar às pequenas e médias empresas reduções significativas de custos com o armazenamento de mercadorias, revela em comunicado.

O serviço baseia-se num princípio-base de troca de custos fixos por custos variáveis, em que o cliente passa a depositar as suas mercadorias, stocks e bens em armazéns da Log-PME, pagando apenas pelo espaço e pelo tempo que ocupar essas instalações.

«Sabemos que muitas empresas têm alugados armazéns desproporcionais, em espaço e em custos, à sua actividade. Outras até que os usam apenas em picos de produção, estando grande parte do tempo desocupados ou apenas com monos e arquivos. Há ainda empresas que mantêm esses espaços arrendados para a eventualidade de virem a precisar deles e sem saber bem por que razão, acabam por empatar valiosos recursos financeiros e humanos para a vitalidade da empresa», justifica a empresa.

A Log-PME inclui neste serviço todos os processos que estão associados ao armazenamento de bens. A recepção de mercadorias, conferência, picking, expedição, devoluções e reporting de actividade são assegurados às empresas acolhidas, sem custos adicionais.

Com este serviço a Log-PME pretende «acima de tudo, ajudar a corrigir situações de desperdício de recursos nas empresas com os seus armazéns».

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.