Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Formação & Ensino

“O IVA comeu o seu cliente?” em workshop

“O IVA comeu o seu cliente?” lança o mote de mais um workshop promovido pela Possibilidades Infinitas. Em causa está uma ação que visa desenvolver estratégias para transformar as atuais contrariedades em oportunidades de negócio, explica a empresa em comunicado.

O evento decorrerá em Leiria, no dia 12 de março, entre as 15 e as 18 horas e tem entrada gratuita.

«Numa altura em que a restauração enfrenta a crescente perda de clientes motivada, entre outros fatores, pelo aumento do IVA, cabe aos empresários do setor otimizarem as suas estratégias de atendimento ao cliente e diversificarem os serviços prestados. Apesar da crise, certo é que os consumidores continuam fiéis à qualidade e ao atendimento personalizado.
Saber comprar, confecionar e servir são as três máximas desta ação que tem como objetivo ajudar os participantes a interpretar as atuais limitações conjunturais para as converterem em oportunidades de negócio, enquanto exploram as potencialidades do mercado», explica a empresa.

Para mais informações, contactar seminario@possibilidades-infinitas.net.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.