Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Exportações para a África do Sul subiram 17,3% até agosto

As exportações portuguesas para a África do Sul entre janeiro e agosto de 2011 registaram um aumento de 17,3 por cento, segundo dados disponibilizados pela Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP).

Segundo as estatísticas da AICEP, em relação a igual período do ano passado (janeiro a agosto), as exportações de Portugal para a África do Sul aumentaram 17,3 por cento, sendo de destacar que muitos dos bens que Portugal exporta em maiores quantidades são produtos transformados, como peças e acessórios automóveis (mais 46 por cento), moldes (mais 182 por cento) e máquinas e aparelhos (mais 40 por cento).

Em termos de valor, o total das exportações portuguesas para a maior economia africana atingiu os 55,4 milhões de euros entre 1 de janeiro e 30 de agosto de 2011, contra 47,2 milhões em igual período de 2010. Nesse ano o total de exportações portuguesas para a África do Sul foi de 74,6 milhões de euros, enquanto as exportações da África do Sul para Portugal atingiram os 141,1 milhões, com o carvão a constituir o fator que mais desequilibrou o comércio bilateral.

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.