Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

China planeia construir 56 aeroportos em cinco anos

A China vai construir 56 aeroportos nos próximos cinco anos, aumentando a sua capacidade anual de transporte para 450 milhões de passageiros, anunciou hoje um responsável do sector.

A empreitada elevará para 230 o número de aeroportos do país. Entretanto, a frota das companhias áreas chinesas deverá exceder os 4.500 aviões, disse o diretor da Administração da Aviação Civil Chinesa (CAAC), Li Jiaxiang, numa conferência nacional em Guiyang, sudoeste da China.

“O investimento na indústria da aviação civil na China deverá atingir 1,5 biliões de yuan (160 mil milhões de euros) nos próximos cinco anos”, afirmou o responsável.

Entre 2005 e 2010, a China construiu 33 aeroportos e renovou ou alargou outros tantos, indicou a agência noticiosa oficial chinesa.

Segundo a mesma fonte, o investimento naquele período, no valor de 250.000 milhões de yuan (26.700 milhões de euros), “foi quase equivalente ao total gasto nos 25 anos anteriores”.

A China tornou-se no ano passado na segunda maior economia do mundo, ultrapassando o Japão, e pelas previsões do Banco Asiático de Desenvolvimento, divulgadas na quarta-feira, deverá crescer 9,6 por cento em 2011.

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.