Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Formação & Ensino

IPL lança concurso de ideias de negócio

O Instituto Politécnico de Leiria organiza, em conjunto com a Incubadora D. Dinis (IDD) e a Associação Óbidos Ciência e Tecnologia (OBITEC), a 1.ª edição do «Concurso de Ideias de Negócio Arrisca Leiria/Óbidos», no âmbito do projecto INOV.C.

O objectivo passa por «estimular o desenvolvimento de conceitos de negócio em torno dos quais se perspective a criação de novas empresas», explica em comunicado.

As candidaturas, que decorrem até 15 de Novembro, podem ser individuais ou apresentadas em equipas até cinco elementos, em que pelo menos um destes seja estudante ou recém-diplomado do ensino superior de Leiria/Óbidos, há menos de três anos.

A avaliação das propostas submetidas a concurso será efectuada por um júri constituído por um elemento indicado por cada parceiro do núcleo organizativo e por cada patrocinador do concurso.

Para a avaliação das ideias de negócio o júri terá em conta critérios como a viabilidade; criatividade e inovação; perfil dos promotores e capacidade de síntese.

À ideia, ou ideias, vencedoras será atribuído um Prémio ANJE; Prémio IDD; Prémio Óbidos e Prémio BPI.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.