Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Competitividade: Portugal é 13º entre os países do euro

Portugal subiu uma posição no ranking da competitividade, ocupando o 13.º lugar no conjunto dos 16 países do euro, segundo o relatório Euro Monitor 2010, a que agência Lusa teve acesso.

De acordo com o Euro Monitor 2010 — Indicatores for Balance Growth, Portugal obteve uma pontuação total de 4,1 pontos, valor igual ao registado em 2009 e abaixo dos 4,9 pontos alcançados em 2005.

No conjunto dos 16 países da moeda única, Portugal fica acima da Grécia (2,9 pontos), da Irlanda (3,5 pontos) e da Espanha (4,0 pontos).
À semelhança de 2009, a Alemanha lidera o ranking, com 7,4 pontos, seguida pela Áustria, com 7,3 pontos, e pelo Luxemburgo e Holanda, ambos com uma classificação global de 7,0 pontos.

“Nenhum país – nem mesmo a Alemanha – pode considerar-se um ‘top performance’ e dois países – Grécia e Irlanda – apresentam desempenhos fracos”, lê-se no relatório.

O desempenho de Portugal e Espanha é “marginalmente melhor”, refere o documento, acrescentando que “um choque externo pode rapidamente colocar” os dois países “no grupo do fundo da tabela”.

O Euro Monitor 2010 – Indicatores for Balance Growth apresenta um conjunto de rankings, que analisam o desempenho dos países ao nível do défice externo e orçamental, da taxa de desemprego, entre outros critérios

Portugal obtém as piores classificações nos rankings do défice externo e orçamental (dois pontos) e da taxa de desemprego (três pontos). A melhor pontuação, por sua vez, é obtida no ajustamento necessário para equilibrar a balança primária: sete pontos.

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.