Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

IEFP volta a receber candidaturas a estágios profissionais

A nova fase de candidaturas ao Programa de Estágios Profissionais começa hoje, deixando de fora médicos e enfermeiros e permitindo às autarquias a contratação de jovens com menos de 35 anos.

São estas as principais alterações ao abrigo deste programa, que prevê a redução do tempo de vigência dos estágios de 12 para nove meses, de acordo com a portaria publicada a 12 de Agosto em Diário da República.

As candidaturas ao programa de estágios profissionais estavam suspensas desde 30 de Junho “para avaliação do programa e análise de candidaturas pendentes”, segundo Francisco Madelino.

“Pode ser uma desvantagem [a redução do prazo de 12 para nove meses], mas neste deve e haver, o facto de dar lugares a mais de cinco mil jovens vale bem a perda dos três meses, até porque essa diferença não interfere na taxa de inserção, que se mantém nos 75 por cento para os estágios com nove meses e mantém-se [também] nesse valor para os de 12 meses”, argumentou o secretário de Estado do Emprego e Formação profissional, Valter Lemos, em declarações à Lusa.

O governante lembrou que esta redução representa o regresso “à duração que já tinham e sempre tiveram, e que só foi alargada no ano passado” devido à crise económica.

O Programa de Estágios Profissionais, de acordo com os números do Governo, deverá fornecer emprego a 45 mil jovens. O programa tem um orçamento de 180 milhões de euros para 2010, tendo já colocado, até ao final de Julho, 27 mil jovens em novos empregos.

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.