Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Investigadores desenvolvem têxteis a partir de fibras naturais de cânhamo

Investigadores de seis centros tecnológicos de Portugal, Espanha e França reuniram-se em consórcio e avançaram, em Abril de 2009, para o projecto FIBNATEX, Produção e Valorização Técnica de Fibras Naturais para a Indústria Têxtil do Sudoeste Europeu, com o objectivo de desenvolver tecidos 100% de fibras naturais de cânhamo para empresas do sector do vestuário, especialmente de vestuário técnico, refere em comunicado a FCTUC.

Esta foi a resposta dos investigadores ao desafio lançado pela indústria do sector têxtil, que propunha o desenvolvimento de tecidos inovadores, amigos do ambiente, mais resistentes e confortáveis do que os tecidos convencionais, e competitivos.

Os investigadores, que utilizam fibras de cânhamo proveniente do Sul de França, estão optimistas com os primeiros resultados alcançados uma vez que «ultrapassada a grande dificuldade em que consistia a extracção e separação, sem danos, das fibras longas do caule da planta do cânhamo», conseguiram «transformar com sucesso, essas mesmas fibras, ou seja, retirar o mau odor característico da planta, modificar a cor, aumentar a resistência à temperatura, e introduzir propriedades anti-bacterianas, entre outras variáveis, o que é conseguido através da aplicação de revestimentos/filmes finos de diversos materiais», revela a investigadora Ana Manaia.

Liderado pelo CITEVE (Centro Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário), a área científica do projecto, no que diz respeito à modificação das fibras, é coordenada pela investigadora do Instituto Pedro Nunes (IPN) e da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), Ana Manaia. Em Espanha são parceiros os Centros Tecnológicos LEITAT e ASINTEC e, em França, o GIH – Groupement des Industries de l’Habillement e o ICAM – Institut Catholique d’Arts et Métiers Ecole d’Ingénieurs Département Matériaux.
O projecto deverá ser concluído no próximo ano, com a apresentação de uma colecção de vestuário técnico (uniformes para médicos, bombeiros, astronautas e outros) e com a transferência tecnológica para a indústria do vestuário.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.