Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Governo vendeu mil milhões em imóveis desde 2005

As vendas de imóveis detidos pelo Estado e institutos públicos permitiram um encaixe de cerca de mil milhões de euros desde 2005. A venda de património prevista para este ano eleva a receita para quase 1.500 milhões de euros, refere o Diário Económico.

Segundo o jornal, nos dois últimos anos, o responsável pelas contas públicas, Teixeira dos Santos, conseguiu concretizar 43,4% das vendas totais previstas e a percentagem ascende a 71,9% se tivermos em atenção as intenções de vendas para este ano, segundo o relatório sobre a aquisição e alienação de bens imóveis do Estado produzido pela Direcção Geral do Tesouro e Finanças, divulgado ontem. O ministro das Finanças inscreveu 419 milhões de euros de receitas de vendas de património no Orçamento de Estado para 2010.

LE com Diário económico

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.