Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

EUA: Défice ultrapassa um bilião de dólares

O défice dos Estados Unidos da América ultrapassou o bilião de dólares (714 mil milhões de euros) pela primeira vez ao longo dos nove meses que passaram do ano fiscal. O desequilíbrio está a intensificar receios relativamente a um aumento das taxas de juro e da inflação, pressionando também o valor do dólar, revela a Lusa.

O Departamento do Tesouro afirmou hoje que o défice em Junho totalizou os 94,3 mil milhões de dólares (67,4 mil milhões de euros), elevando o défice acumulado (desde Outubro) para perto dos 1,1 biliões de dólares (1 100 000 000 000 USD).

O défice tem sido impulsionado pelas quantias avultadas que o governo tem gasto no combate à crise financeira, bem como pela redução das receitas fiscais e pelos custos das guerras no Iraque e no Afeganistão.

«Os nossos investidores estrangeiros da China e de outros países estão a ficar preocupados não só por causa do valor do dólar mas também na expectativa de saberem se serão seguros no longo prazo», considerou o economista Sung Won Sohn.

Os gastos públicos norte-americanos estão subir para fazer frente à pior crise desde a grande depressão de 1929 e a taxa de desemprego está nos 9,5%.

O Congresso já aprovou 700 mil milhões de dólares (500 mil milhões de euros) para combater a crise e mais 787 mil milhões (562 milhões de euros) para estimular a economia e iniciar um processo de recuperação.
A Casa Branca está já em negociações para averiguar se será necessário um segundo pacote de estímulos económicos.

O presidente Obama e alguns funcionários da sua administração, como o secretário de Estado do Tesouro, Timothy Geithner, assumiram o compromisso de reduzir o défice assim que o país sair da recessão e da crise financeira.

Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.