Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

CDRsp do IPL desenvolve projectos para indústria automóvel

O Centro para o Desenvolvimento Rápido e Sustentado de Produto (CDRsp), do Instituto Politécnico de Leiria (IPL), viu aprovado o projecto Manufactoring2Client, ao abrigo do Sistema de Incentivos à Inovação QREN – Sector Automóvel, criado pelo governo português, revela em comunicado.

Em causa está uma medida de financiamento, gerida pela Agência de Inovação (Adi), que tem como objectivo promover a investigação em consórcio entre empresas do ramo automóvel e entidades de I&D.

O Manufactoring2Client – Solução Integrada e Flexível de Projecto-Produção-Montagem, co-promovido pela empresa Jorge Honório da Silva & Filho, Lda, que envolve o desenvolvimento de um sistema integrado de projecto, fabrico e montagem para peças em compósito, utilizando métodos rápidos de projecto e produção.

«O objectivo passa por desenvolver uma metodologia de levantamento 3D do interior de um veículo, concepção de isolamento interior e produção rápida e flexível dos painéis, de modo a aumentar a qualidade, suprir as necessidades de mercado e aumentar a produção», explica o IPL.

Simultaneamente, estende a utilização das mesmas tecnologias de fabrico às actividades e produtos transversais à empresa, alavancando o investimento nas necessidades de novos processos e produtos de maior valor acrescentado, com ganhos em custos, produtividade e qualidade.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.