Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

George Soros: China vai ser primeiro país a superar a crise

O investidor norte-americano George Soros afirmou hoje que a China vai ser o primeiro país a superar a crise financeira global. «A sua capacidade de recuperação será mais rápida que a do resto do mundo», disse George Soros, um dos principais investidores na companhia de aviação chinesa Hainan Airlines, num evento em Xangai.

O magnata, que falava na Universidade Fudan de Xangai, vaticinou que o gigante asiático «crescerá mais rápido do que a maioria dos especialistas espera».

«A China deverá jogar um papel decisivo na reconstrução do sistema económico global e ter, neste ponto, uma voz cada vez maior», disse o investidor, citado hoje pelo jornal diário Shanghai Daily.

Soros classificou de «agressivo» o pacote de estímulo económico de 464 mil milhões de euros, posto em marcha pelo governo chinês para reagir à crise, aumentando a despesa interna e os investimentos no exterior.

Na conferência, Soros assinalou também que espera que surja «um novo mundo» após a crise económica global, realçando que, por agora, não vê sinais de recuperação.

«Nada como isto se passou desde a Grande Depressão e o problema está profundamente arreigado ao sistema financeiro», acrescentou.

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.