Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

CITEVE coordena projecto FIBNATEX

O CITEVE – Centro Tecnológico do Têxtil e Vestuário, de Famalicão, está a coordenar o projecto europeu, FIBNATEX, Produção e Valorização Técnica de Fibras Naturais para a Indústria Têxtil do Sudoeste Europeu, que pretende criar têxteis técnicos inovadores produzidos à base de fibras naturais de cânhamo, disse à Lusa, fonte do organismo.

O FIBNATEX vai permitir a optimização dos processos de produção de fios e tecidos à base de fibras de cânhamo com características inovadoras e de elevado nível técnico, e assegurará a continuidade de uma rede de centros de competências têxtil e vestuário na região SUDOE ao serviço das empresas deste sector.

Paulo Cadeia, do Departamento de Inovação, adiantou que «o projecto visa criar têxteis técnicos mais amigos do ambiente do que os produzidos com fibras sintéticas, para serem colocados à disposição das empresas do sector do vestuário».

A iniciativa foi aprovada pelo programa comunitário SUDOE – INTERREG IV B, e foi a única com liderança portuguesa a ser admitida pelo Comité de Programação do Programa de Cooperação Territorial do Espaço Sudoeste Europeu.

O investimento, de 840 mil euros, repartidos pelas instituições dos três países, com 75% de financiamento europeu, envolve uma parceria com o Instituto Pedro Nunes – Associação para o Desenvolvimento em Ciência e Tecnologia, o LEITAT – Technological Center (Espanha), o ASINTEC – Centro Tecnológico de Confección (Espanha), o GIH – Groupement des Industries de l’Habillement (França) e o ICAM – Institut Catholique d’Arts et Métiers Ecole d’Ingénieurs Département Matériaux (França).

Esta iniciativa, «conta também, na promoção e na divulgação dos resultados, com o apoio da ATP – Associação Têxtil e Vestuário de Portugal e com mais de 30 empresas, de Portugal, Espanha e França, no desenvolvimento da colecção de têxteis e no processo de transferência tecnológica, adiantou Paulo Cadeia.

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.