Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Pedro Carrilho defende regresso aos «velhos hábitos do mealheiro»

Pedro Carrilho, especialista em Finanças Pessoais, defendeu no passado sábado, em Leiria, o regresso aos «velhos hábitos do mealheiro». A frase foi proferida no âmbito da conferência Finanças Pessoais em Tempos de Crise, assistida, durante três horas, por cerca de uma centena de pessoas, que contou com o apoio do Leiria Económica.

Durante a palestra – onde foram abordados temas como, «Os paradigmas de finanças pessoais», «a poupança», «gestão de dinheiro» e «investimentos e imobiliário» – Pedro Carrilho quis demonstrar que com pequenas regras é possível conseguir ganhos no final do mês.

O responsável lembrou que, para melhorar o nível de vida, é essencial «pagarmos primeiro a nós» – colocando de parte uma pequena percentagem do salário – bem como tentar não recorrer a créditos e ter mais do que uma fonte de rendimento.

Segundo o orador, com um pouco de disciplina e força de vontade, é possível conseguir juntar muito dinheiro, mesmo sem ter uma receita salarial muito elevada.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.